Brasileiros poderão ter acesso a uma nova vacina tetravalente contra a dengue.

Desenvolvido pela Takeda, o imunizante aguarda aprovação regulatória da Anvisa e, assim que tiver seu uso aprovado, poderá contribuir para a redução do número de casos da doença no Brasil.

A dengue ainda provoca muitas hospitalizações no País, o que sobrecarrega o sistema de saúde, já impactado pela pandemia de Covid-19.

Em 2020 foram registrados um milhão e meio de casos, de acordo com estimativa da Organização Pan-Americana de Saúde.

A vacina tetravalente poderá ser aplicada em crianças, adolescentes e adultos, como explica o diretor médico executivo da Takeda, Abner Lobão:

Sonora

Abner Lobão fala sobre os estudos que apontam os níveis de eficácia da nova vacina contra a dengue:

Sonora

O diretor médico executivo da Takeda diz que, para aumentar a resposta imunológica, a vacina foi desenvolvida a partir do vírus da própria dengue:

Sonora

Transmitida principalmente pelo mosquito Aedes aegypti, a dengue provoca cerca de 360 milhões de infecções e em torno de 20 mil mortes no mundo, a cada ano.

Evitar que a água se acumule em vasos de plantas, garrafas e outros recipientes é fundamental para combater o avanço da doença. 

 Fonte: R2

Deixe seu Comentário