Função foi disponibilizada e divulgada pela Prefeitura no dia 20 de abril.

Agentes sanitários e fiscais de saúde atuam em plantões durante os horários não comerciais e fins de semana.

AppDivinópolis disponibiliza informações sobre o coronavírus e permite denúncias de descumprimento de decretos Prefeitura de Divinópolis/Divulgação Desde a disponibilização do novo canal de denúncias de descumprimento dos decretos em Divinópolis, por meio do AppDivinópolis, já foram registrados mais de 500 chamados.

Destes, 417 já foram finalizados.

A função está disponível desde o dia 20 de abril. Coronavírus: Aplicativo permite que cidadãos denunciem comércios que descumprirem decreto em Divinópolis A Prefeitura de Divinópolis, por meio da Diretoria de Infraestrutura e Desenvolvimento Tecnológico e Secretaria de Saúde, tem criado estratégias para minimizar o avanço da Covid-19 no município.

Uma das alternativas foi a suspensão parcial do comércio para promover o isolamento social, além da exigência do uso obrigatório de máscaras através de decreto municipal. A cada nova demanda cadastrada no aplicativo, os fiscais da Vigilância em Saúde vão no local verificar a denúncia, em qualquer área do município.

Os agentes sanitários fiscais de saúde e fiscais de saúde trabalham em plantões durante os horários não comerciais e também aos finais de semana, para atender as denúncias que ocorrerem nestes períodos. O Diretor de Infraestrutura e Desenvolvimento Tecnológico, Bruno Pereira, ressalta que o resultado tem sido positivo, já que as pessoas entenderam a funcionalidade e estão denunciando. "Os chamados são acompanhados de foto, o que inibe a ação dos infratores.

A possibilidade de fazer uma denúncia a qualquer horário ajuda a população e os agentes a identificarem mais casos de descumprimentos”, relatou. Inauguração da função A função foi disponibilizada e divulgada pela Prefeitura no dia 20 de abril.

O objetivo foi facilitar as denúncias nos fins de semana e fora dos horários de expediente de ações contrárias às impostas pelo decreto publicado em março. De acordo com a gerente de Vigilância Sanitária, Liliane Simone Barros, implementar a função só foi possível graças a um trabalho conjunto. "Vários setores da Prefeitura se uniram para tornar esse canal realidade.

A diretora de Infraestrutura e Desenvolvimento Tecnológico, junto aos fiscais sanitários da Vigilância em Saúde, agentes de trânsito e dos fiscais de posturas do município, que se dedicam desde o primeiro dia a receber, repassar e atender o mais rápido possível todos os chamados.

Não podemos esquecer da parceria com a Polícia Militar que nos acompanha a todo momento”, destacou Liliane. Aplicativo Para acessar a funcionalidade basta baixar o aplicativo da Prefeitura.

Dentro dele há uma nova aba denominada coronavírus.

Por meio dela, a população poderá relatar os estabelecimentos que estão irregulares quanto às deliberações impostas pelo município para conter o avanço da Covid-19. A Prefeitura explicou que o cidadão deverá preencher todas as opções, inclusive a opção de foto do local.

O responsável do setor recolherá as denúncias que serão encaminhadas para os fiscais de averiguação.