Estudantes da secretaria de educação tiveram contrato suspenso por causa da pandemia de coronavírus.

Paço em São José dos Campos Prefeitura SJC/Divulgação A Justiça determinou que a Prefeitura de São José dos Campos não poderá suspender o pagamento da bolsa-auxílio dos estagiários da secretaria de educação, que tiveram o contrato suspenso por causa da epidemia de coronavírus. MAPA DO CORONAVÍRUS: as cidades com infectados e o avanço dos casos Saiba tudo sobre o novo Coronavírus Veja as principais notícias sobre o coronavírus na região Na terça-feira (24) a prefeitura anunciou que estava adotando medidas para que os funcionários pudessem ficar em casa durante o período de quarentena.

No caso dos 1.472 estagiários da área da educação, a decisão foi suspender os contratos por 60 dias.

A bolsa-auxílio de R$ 900 também foi suspensa. Mas depois de uma ação popular, a Justiça determinou que a ausência dos estagiários deve ser tratada como falta justificada e, por isso, devem receber os pagamentos. Por nota, a Prefeitura de São José dos Campos informou que ainda está estudando a liminar para se manifestar à Justiça. Initial plugin text